São Luís

PM apreende ficha de cadastro do Bonde dos 40 no Ipase

Durante a revista, os policiais militares encontraram um papel, com um brasão do Bonde dos 40 e o nome “Cadastro”. na Vila Cristina, localizada na região do Ipase de Baixo

Reprodução

As facções criminosas estão tomando conta de todo o território maranhense, chegando a praticamente todos os locais do estado. Para tomar de conta de todo esse aparato criminoso e saber quem faz parte ou não da “organização”, os líderes da facção conhecida como Bonde dos 40 estão realizando um cadastro para seus “filiados”.

Uma ação do Grupo Tático Móvel (GTM) do 8ª Batalhão da Polícia Militar, que faz circunscrição em vários bairros da capital maranhense, capturou duas pessoas na Vila Cristina, localizada na região do Ipase de Baixo, nas proximidades da Ponte do Caratatiua.

Durante a revista, os policiais militares encontraram um papel, com um brasão do Bonde dos 40 e o nome “Cadastro”.

Neste “documento” o integrante da facção criminosa tem que colocar seus dados completos e ainda informar sua situação: preso ou em liberdade.

O que chama a atenção é o fato de que as pessoas que querem fazer parte ter que informar quem são os “padrinhos” e “senha de origem”.

Já para quem se encontra preso, tem que expor se exerce alguma função na “organização”, se é contribuinte, qual a cadeia, pavilhão e se tem ou não visitante. Para quem está em liberdade as perguntas são quase as mesmas.

Por fim, o filiado tem que destacar o comprovante de cadastro, para provar que faz parte desta organização criminosa.

No do documento de cadastro, uma mensagem: “Paz, Justiça, União e Igualdade para todo”. BONDE DOS 40.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS