Violência

Homem estupra, rouba, mata, bate na filha e acaba preso

No dia 9 de maio deste ano, ele foi beneficiado com a saída temporária do Dia das Mães. No dia 14 de maio, José foi preso em Araioses por violência doméstica praticada, onde agrediu a própria filha

Reprodução

A Polícia Civil recapturou um detento beneficiado com saída temporária. José Valderi Coelho Evangelista, de 41 anos, foi preso em Araioses após quase dois meses.

A Delgacia de Araioses deu cumprimento a Mandado de Prisão contra José Valderi, que estava cumprindo pena por estupro e latrocínio, no Complexo de Pedrinhas.

No dia 9 de maio deste ano, ele foi beneficiado com a saída temporária do Dia das Mães. No dia 14 de maio, José foi preso em Araioses por violência doméstica praticada, onde agrediu a própria filha.

Após contato com a 1ª Vara de Execuções Penais da Capital, a polícia conseguiu a expedição do Mandado de Recaptura. O preso será transferido para o Complexo Penitenciário de São Luís.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS