Brutalidade

Homem é morto com várias facadas e tem cabeça arrancada

Corpo decapitado é encontrado por populares em Bacabal. A cabeça da vítima foi deixada nas proximidades do cadáver

A vítima foi morta com requintes de crueldade

A polícia da cidade de Bacabal investiga um crime brutal, onde um homem foi assassinado e ainda teve a cabeça arrancada do corpo. O achado de cadáver aconteceu na tarde do último domingo (18), no bairro Novo Bacabal.

Informações revelam que o corpo de Francisco da Silva Muniz, conhecido como “Kauã”, de 23 anos, foi encontrado em uma área de mata, localizada por trás de uma farinheira. A cabeça da vítima foi deixada próxima do corpo.

Além de decapitado, Francisco Kauã sofreu dezenas de golpes profundos por todo o corpo. As costas e as pernas foram quase que cortadas em pedaços. Kauã residia com a mãe na rua Alagoas, no bairro Pedro Brito.

Outro caso parecido
Essa não foi a primeira morte com requintes de crueldade deste ano em Bacabal. Em janeiro deste ano já havia sido registrado um caso com a mesma característica.

Wesley da Silva Moura, mais conhecido como “Das Quebradas”, de 18 anos, foi encontrado morto, no dia 23, em uma área de mata conhecida como Campo Berredão, no bairro São José Operário – próximo a Vila Pedro Brito, em Bacabal. No corpo havia várias perfurações e hematomas, pois a vítima teria sido torturada antes de ser morta.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS