Coroatá

Polícia fecha “mercado” de armas no Maranhão

Polícia fecha “minimercado” que comercializava armas de fogo, munição e outros materiais, na cidade de Coroatá. Uma pessoa foi presa na operação

Mais de 600 munições foram apreendidas no local

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia da cidade de Coroatá, que fica à 260 km da capital maranhense, deflagrou uma operação que resultou no desmonte de um comércio ilegal de armas de fogo, acessórios e munições no município.
De posse do mandado de busca e apreensão expedido pelo judiciário, uma equipe da Polícia Civil, coordenada pelo delegado Eduardo Luís, apreenderam muitas armas e munições.
Armas de fogo também foram encontradas no local
No local citado nas investigações policiais funcionava uma espécie de “Minimercado”, onde foram apreendidas 640 munições de diversos calibres, 9 armas de fogo, 100 unidades contendo pólvora, 2 facas e um coldre (suporte para carregar armas de fogo curtas).
Na ação foi preso em flagrante Hildenberg Silva Pinheiro, sendo ele o proprietário do estabelecimento comercial, que posteriormente foi encaminhado à delegacia para prestar seu depoimento e onde fica preso sob responsabilidade do judiciário.
VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS