Atletismo

Maranhense de 14 anos bate recorde no Norte /Nordeste

Adolescente maranhense é eleito o melhor atleta do campeonato Norte/Nordeste de Atletismo 2017. Garoto de 14 anos bateu recorde em competição regional

Luís Ricardo faturou a medalha de ouro na prova dos 75 m rasos com tempo recorde

O maranhense, da cidade de Codó, Luís Ricardo, de 14 anos, se destacou no Norte/Nordeste de Atletismo Sub-16 e levou o título de melhor atleta do campeonato que aconteceu no fim de semana, em São Luís. O atleta é o atual vice-campeão brasileiro escolar na prova dos 250 m e foi convocado para disputar os Jogos Sul-Americanos Escolares, que serão realizados no mês de dezembro, na Bolívia.

No último sábado (4), primeiro dia das disputas, Luís Ricardo faturou a medalha de ouro na prova dos 75 m rasos com tempo recorde de 8’44’’. No domingo (5) ele bateu novo recorde do Norte/Nordeste mirim com o primeiro lugar na prova dos 250 m com o tempo de 28’6’’.

De acordo com o técnico do atleta, Arcelino Martins, as vitórias de Luís são fruto de muito treino e dedicação. “O Ricardo já vinha treinando e sendo frequentemente campeão nas disputas do atletismo infantil pelo Colégio Batista de Codó. Com dedicação exclusiva à modalidade ele pode chegar, futuramente, a profissionalização”, disse.

Luís Ricardo, que disputa na categoria infantil, disse que buscará bons resultados também no infanto. “Espero conseguir mais resultados quando estiver disputando na categoria infanto. Ir em dezembro para o Sul-Americano Escolar é muito importante para mim, pois nunca imaginei que fosse ganhar uma medalha no brasileiro escolar; e agora é só treinar para a disputa na Bolívia”, disse o atleta.

Outros atletas da equipe de Codó também conseguiram bons resultados: Ana Beatriz levou a medalha de ouro no lançamento do dardo; Layana Timóteo ficou com a medalha de prata nos 75 metros; e Rykelme Gaioso foi medalha de prata no salto em altura.

O Norte/Nordeste de Atletismo Sub-16 foi realizado pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), Federação Atlética Maranhense (FAMA), com patrocínio da Caixa e Centro Elétrico via Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, com apoio do Governo do Maranhão.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS