Brutalidade

Homem é preso após matar mãe e filha a marretadas

Antônio de Jesus foi preso após ter matado duas mulheres, que seriam mãe e filha, a marretadas. Depois do crime, ele ainda estaria escondendo os corpos em um buraco

Antônio foi preso em ação da Polícia Militar de Codó, antes que ele fosse linchado

Um crime bárbaro foi registrado na cidade de Codó, interior do Maranhão. Um homem identificado como Antônio Bezerra de Jesus, de 53 anos, é o principal suspeito de um duplo homicídio e ocultação de cadáver.

Antônio foi preso, nesta segunda-feira (9), após ter matado duas mulheres, que seriam mãe e filha, a marretadas. Depois do crime, ele ainda estaria escondendo os corpos em um buraco estava estava cavando no quintal da casa.

Policiais militares de Codó foram responsáveis pela prisão de Antônio. De acordo com informações da polícia, o suspeito teria atraído as mulheres para dentro de sua casa e no meio de uma conversa, ele teria se alterado e matado as duas.

Policiais militares evitaram o linchamento de Antônio

O crime causou grande comoção na cidade e a polícia teve que agir rápido para que o suspeito não fosse linchado, pois os moradores na região ficaram revoltados com o caso.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS