Fraude

Presa quadrilha que desviou mais de R$ 23 milhões

Presa quadrilha suspeita de causar prejuízo de mais de R$ 23 milhões ao estado do Maranhão. Outros três mandados de prisão de líderes da organização criminosa continuam em aberto

Por: sauloduailibe
Foto: A Receita Estadual do Maranhão detectou, entre março de 2014 e novembro de 2016, 828 operações de simulação de compra de soja com as firmas de fachada

Uma ação conjunta do Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor) e Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) resultou, nesta quarta-feira (16), na prisão de três dos líderes da organização criminosa alvo da ‘Operação Paraíso Fiscal’. Paulo Henrique Costa Carrijo, Missias Francelino da Silva e Wemerson Miguel da Silva foram presos em Goiânia-GO. Eles são suspeitos de comandarem esquema fraudulento causou um prejuízo de R$ 23.235.361 ao Estado do Maranhão.

Outros três mandados de prisão de líderes da organização criminosa continuam em aberto. Todas as prisões preventivas foram determinadas pelo juiz Ronaldo Maciel, titular da 1ª Vara Criminal Privativa para Processamento e Julgamento dos Crimes de Organização Criminosa da Comarca da Ilha de São Luís, com base em pedido conjunto do Ministério Público e Polícia Civil do Estado do Maranhão.

Em 25 de maio, uma primeira etapa da Operação Paraíso Fiscal havia efetuado as prisões de Nelton Carrijo Gomes e Thaisa Vieira de Moura, além da apreensão de documentos, dois computadores, uma arma e telefones celulares.

Fraudes
Segundo o Ministério Público do Maranhão, empresas de fachada foram registradas no Maranhão, Pará, Piauí e Bahia e, mediante a emissão de notas fiscais eletrônicas falsas, simulavam a venda de grandes quantidades de soja para a Agropecuária MCD LTDA, registrada no Maranhão e supostamente localizada em São João do Paraíso.

A organização criminosa inseria declarações dos valores devidos do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) nas notas fiscais frias com o objetivo de gerar créditos tributários falsos em favor da Agropecuária MCD LTDA.

Em seguida, a empresa vendia grãos de milho a empresas de outros estados e com os créditos tributários sonegava o pagamento dos impostos.

A Receita Estadual do Maranhão detectou, entre março de 2014 e novembro de 2016, 828 operações de simulação de compra de soja com as firmas de fachada, totalizando R$ 176.711.498,00. A Agropecuária MCD realizou 11.561 operações interestaduais de venda de milho, no valor de R$ 212.935.854.

O Gaeco aponta que o esquema fraudulento causou um prejuízo de R$ 23.235.361 ao Estado do Maranhão.

Muito barato! aprenda a fazer gel de cabelo em casa

Este gel caseiro é maravilhoso pois não resseca os cabelos, deixa os cabelos definidos, sem nenhuma química que possa ressecar seus cabelos

Suspeito de homicídios é detido em ação policial

Segundo as investigações, “Ruanzinho” teria cometido no início no mês de janeiro, uma tentativa de homicídio. O crime teria sido praticado 3 dias após o suspeito completar a maioridade

Assalto com reféns termina com a prisão de três pessoas

Ação da polícia maranhense liberta reféns, prende suspeitos e termina com assalto aos Correios, de Matinha. Mais duas pessoas foram detidas em São Luís

Moto vai enfrentar Assu-RN na Série D

A competição mantém o formato de 2017. A segunda fase terá 32 times – os 17 melhores de cada chave e os 15 melhores segundos colocados

Sampaio encara o Paraná no Castelão

Sampaio Corrêa tem duas dúvidas para confronto pela Copa do Brasil diante do Paraná, nesta quinta, no Estádio Castelão

P&G abre vagas de trabalho em São Luís

Entre outras atividades, os contratados para o cargo serão responsáveis por desenvolver os negócios da P&G na região, onde o vendedor será o principal ponto de contato entre a marca e o cliente

William Bonner e a namorada são flagrados aos beijos

Apesar de já terem sido fotografados juntos antes, durante uma passeio pelas ruas da cidade, esta é a primeira vez que os dois são vistos aos beijos em público

Saiba como trocar o sinal analógico pelo digital

O sinal analógico de TV será desligado na capital maranhense e em outras nove cidades do estado no próximo dia 28 de março

Concurso oferece salários de até R$ 2.500

Este Concurso Público compreenderá Prova Objetiva e de Títulos. A Prova Objetiva tem realização prevista para o dia 1 de abril de 2018

Inscrições prorrogadas em Prefeitura

Prefeitura de Magalhães de Almeida prorroga inscrições de Concurso Público. São mais de 130 oportunidades distribuídas em todos os níveis de escolaridade

Homem é preso por vigiar 150 kg de maconha prensada

Homem é preso com 150 kg de maconha prensada em casa no bairro de Panaquatira, em São José de Ribamar. O suspeito era um tipo de “guardador de drogas” para facção criminosa

Suspeito tem 15 prisões no "currículo"

suspeito O suspeito, identificado como “Guaxelo”, foi preso pelo crime de arrombamento a um estabelecimento comercial na Avenida Guajajáras

Aposentados tem que fazer Prova de Vida

Aposentados e pensionistas do INSS têm até fevereiro para comprovar vida. Quem não fizer a comprovação no tempo previsto poderá ter o pagamento bloqueado

Como ganhar dinheiro sem sair de casa

Conheça várias formas de ganhar uma grana sem sair de casa. Veja como aumentar sua renda mensal e tirar o “pé da lama”

Magazine Luiza abre 638 vagas em São Luís

Magazine Luiza abre 638 vagas de emprego na capital maranhense. As oportunidades são para vários postos de trabalho

VEJA MAIS