Timon

Mulher morre atingida por bala perdida

Mulher é morta durante assalto em frente a cartório em Timon. Um dos suspeitos é um adolescente que havia sido apreendido por tráfico na última quarta

O tiro atingiu a porta do cartório e acertou a cabeça da vítima

Uma tragédia aconteceu na manhã desta sexta-feira (21), na cidade de Timon, interior do Maranhão. Uma tentativa de assalto, no Cartório do Segundo Ofício Extra-judicial, localizado na Rua Magalhães Jaime de Almeida, no Centro de Timon, terminou com a morte de uma mulher que esperava para ser atendida. Naiana Nascimento Pinto, 32 anos, foi atingida por uma bala na cabeça, quando estava na recepção do local.

De acordo com as informações, dois assaltantes chegaram em uma motocicleta e ao anunciarem o assalto, trocaram tiros com o segurança. “Eles chegaram para assaltar e houve troca de tiros com o segurança do cartório. E essa mulher acabou sendo baleada na cabeça. Na fuga, eles se desequilibraram e caíram da moto e saíram correndo”, disse o guarda municipal Manoel Vieira.

O latrocínio ocorreu por volta das 9h e os dois suspeitos foram presos. A moto utilizada no crime seria de um deles. Um dos suspeitos foi preso em uma residência quando tentava se esconder. Ele ainda estava com uma arma de fogo.

O adolescente de 17 anos – que participou da ação criminosa que resultou na morte de uma mulher dentro do cartório, já era investigado em outro homicídio e havia sido levado para a Central de Flagrantes essa semana. De acordo com a Polícia Civil, a última apreensão ocorreu há dois dias, quando o rapaz e a mãe foram autuados por tráfico de drogas. “Ele foi preso na quarta (19) juntamente com a mãe em uma operação da Denarc. Como ele é menor e não houve violência acabou sendo solto, mas voltou a delinquir. Agora caiu de novo e vai ser encaminhado para São Luís”, explica o delegado regional de Timon, Humaitan Oliveira.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS