Programa Mais Empregos

R$ 500 por cada vaga criada em pequenas empresas

Governo dá R$ 500 reais por mês para cada vaga criada por pequenas empresas no estado do Maranhão

Por: sauloduailibe
Foto: O empresário João Batista foi o primeiro a aderir à nova fase do programa

Micro e pequenas empresas de todo o Maranhão já podem aderir ao Programa Mais Empregos, do Governo do Estado. O projeto concede crédito de R$ 500 por mês para as empresas a cada trabalhador contratado com carteira assinada. Esta é a segunda fase do programa. A etapa inicial, direcionada às grandes empresas, garantiu a contratação de 500 trabalhadores.

A meta agora é muito mais ambiciosa. São 4 mil vagas reservadas para micro e pequenos empreendedores. O empreendedor usa o crédito de R$ 500 para complementar o salário do trabalhador empregado. Depois da inscrição no programa e da contratação do funcionário com carteira assinada, o dinheiro é depositado na conta da empresa. “Além de apoiar as pequenas empresas nesse momento de crise, o Programa Mais Empregos dá oportunidades de geração de postos de trabalho nas próprias localidades onde esses trabalhadores residem, gerando economia de transporte e tempo de deslocamento”, diz o secretário de Trabalho e Economia Solidária, Julião Amin Castro.

Resultados
O Mais Empregos para micro e pequenas empresas começou há poucos dias, mas já está garantindo contratações. João Batista de Oliveira Neto, proprietário de um pequeno escritório de assessoria contábil, foi o primeiro a aderir a esta nova fase. “Com a adesão ao programa, em vez de contratar um estagiário, optei por contratar um profissional”. “A visão do governo ao olhar para as pequenas empresas é interessante porque elas também arrecadam e geram tributos para o próprio governo. Nesse momento de crise, a medida ajuda a impedir que as pequenas empresas fechem, gerando empregos e garantindo que o governo continue a ter recursos por meio de impostos para investir em obras”, acrescenta o empresário.

Ângelo Sousa, proprietário de uma loja especializada em açaí no Centro de São Luís, abriu o estabelecimento em 2014 com três funcionários. Com a crise nacional, ele dispensou dois. Mas agora, com o Mais Empregos, o cenário mudou. “Fiquei sabendo da oportunidade que o Governo estava oferecendo para auxiliar financeiramente pequenas empresas que precisam contratar mão de obra”. Ângelo ainda contou. “Procurei a Secretaria de Trabalho, preenchi a documentação e decidi contratar cinco funcionários para expandir o negócio. Antes estava pessimista com a crise, agora sei que vamos crescer. Essa oportunidade oferecida muda completamente o cenário para quem passa por dificuldades”.

Como aderir
Para aderir ao Mais Empregos, a micro e pequena empresa deve possuir regularidade fiscal e cadastral, estar no Simples Nacional, não ser beneficiária de incentivos fiscais na esfera estadual e possuir Domicílio Tributário Eletrônico – DTE – que é acessado por meio do sistema de autoatendimento.
Com os pré-requisitos preenchidos, basta se inscrever no programa acessando a página da Setres, no endereço www.trabalho.ma.gov. br . O passo seguinte é cadastrar a empresa e o novo empregado no Sistema Nacional de Emprego (SNE).

Banco abre 350 oportunidades

O perfil de profissional buscado pela instituição financeira é de pessoas empreendedoras, com paixão pelo trabalho, garra, forte orientação ao cliente e capacidade de entrega de resultados

1.000 vagas estão abertas na PM

Estão abertas as inscrições ao concurso da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, que visa preencher 1.000 vagas de nível médio

Criança de 11 anos é apreendida com drogas

Um adolescente de 16 anos e uma criança apenas de 11 anos, foram detidos com drogas, na Vila Brasil, bairro localizado na capital maranhense

Bando é detido por assalto a loja

Investigações culminam na prisão de quatrilha que assaltou loja em São José de Ribamar. Polícia ainda procura um dos envolvidos

Suspeito de matar radialista é preso após investigação

Investigação da polícia maranhense culmina na prisão de homem suspeito de assassinar radialista a facadas, em Coelho Neto

Ludmilla levou mochila de dinheiro para escola

A cantora Ludmilla revelou que levou mochila de dinheiro para escola para provar que era famosa. Ela disse que não era famosa no Rio de Janeiro

Comer somente a clara ou ovo inteiro?

Com gema ou só a clara? Estudo aponta qual a melhor fonte de proteína no ovo para ganhar músculos. Confira o resultado!

Famílias que instalam kit digital concorrem a prêmios

Campanha Instalação Premiada tem o objetivo de estimular famílias de baixa renda a instalarem a antena digital

Prefeitura abre 131 vagas em concurso

Com salários de até R$ 6 mil, a Prefeitura de Magalhães de Almeida, no Maranhão, oferta mais de 130 vagas para cargos de todos os níveis de ensino

'Preso' bota tornozeleira na namorada de 14 anos

A tornozeleira era para estar em Ismael da Silva Miranda, de 19 anos, mas ele colocou na namora de 14 anos e ainda postou foto nas redes sociais

Ladrões abrem túmulo para roubar joias de defunto

Bandidos violam sepultura, retiram cadáver de uma senhora para roubar joias. Polícia investiga o caso que aconteceu no interior do Maranhão

Atriz revela que já foi vítima de assédio sexual

Adriana Esteves que estará em “Assédio”, uma das novas séries da Globo, ainda comentou que tem esperança que 2018 seja melhor para o Brasil como um todo

Polícia Federal vai abrir 600 vagas

Diretor geral da Polícia Federal confirma que concurso será autorizado. Serão 600 vagas de emprego com salários que passam dos R$ 23 mil

Vizinha mata jovem de 24 anos por vaga de emprego

Érica Oliveira da Silva, trabalhava como assistente administrativa em uma empresa de concreto no bairro onde morava. Ela foi morta a facadas

Cemar trocar geladeiras velhas por novas

A Cemar realizará troca de geladeiras velhas em funcionamento, que consomem muita energia, por outras novinhas de baixo consumo

VEJA MAIS