Programa Mais Empregos

R$ 500 por cada vaga criada em pequenas empresas

Governo dá R$ 500 reais por mês para cada vaga criada por pequenas empresas no estado do Maranhão

Por: sauloduailibe
Foto: O empresário João Batista foi o primeiro a aderir à nova fase do programa

Micro e pequenas empresas de todo o Maranhão já podem aderir ao Programa Mais Empregos, do Governo do Estado. O projeto concede crédito de R$ 500 por mês para as empresas a cada trabalhador contratado com carteira assinada. Esta é a segunda fase do programa. A etapa inicial, direcionada às grandes empresas, garantiu a contratação de 500 trabalhadores.

A meta agora é muito mais ambiciosa. São 4 mil vagas reservadas para micro e pequenos empreendedores. O empreendedor usa o crédito de R$ 500 para complementar o salário do trabalhador empregado. Depois da inscrição no programa e da contratação do funcionário com carteira assinada, o dinheiro é depositado na conta da empresa. “Além de apoiar as pequenas empresas nesse momento de crise, o Programa Mais Empregos dá oportunidades de geração de postos de trabalho nas próprias localidades onde esses trabalhadores residem, gerando economia de transporte e tempo de deslocamento”, diz o secretário de Trabalho e Economia Solidária, Julião Amin Castro.

Resultados
O Mais Empregos para micro e pequenas empresas começou há poucos dias, mas já está garantindo contratações. João Batista de Oliveira Neto, proprietário de um pequeno escritório de assessoria contábil, foi o primeiro a aderir a esta nova fase. “Com a adesão ao programa, em vez de contratar um estagiário, optei por contratar um profissional”. “A visão do governo ao olhar para as pequenas empresas é interessante porque elas também arrecadam e geram tributos para o próprio governo. Nesse momento de crise, a medida ajuda a impedir que as pequenas empresas fechem, gerando empregos e garantindo que o governo continue a ter recursos por meio de impostos para investir em obras”, acrescenta o empresário.

Ângelo Sousa, proprietário de uma loja especializada em açaí no Centro de São Luís, abriu o estabelecimento em 2014 com três funcionários. Com a crise nacional, ele dispensou dois. Mas agora, com o Mais Empregos, o cenário mudou. “Fiquei sabendo da oportunidade que o Governo estava oferecendo para auxiliar financeiramente pequenas empresas que precisam contratar mão de obra”. Ângelo ainda contou. “Procurei a Secretaria de Trabalho, preenchi a documentação e decidi contratar cinco funcionários para expandir o negócio. Antes estava pessimista com a crise, agora sei que vamos crescer. Essa oportunidade oferecida muda completamente o cenário para quem passa por dificuldades”.

Como aderir
Para aderir ao Mais Empregos, a micro e pequena empresa deve possuir regularidade fiscal e cadastral, estar no Simples Nacional, não ser beneficiária de incentivos fiscais na esfera estadual e possuir Domicílio Tributário Eletrônico – DTE – que é acessado por meio do sistema de autoatendimento.
Com os pré-requisitos preenchidos, basta se inscrever no programa acessando a página da Setres, no endereço www.trabalho.ma.gov. br . O passo seguinte é cadastrar a empresa e o novo empregado no Sistema Nacional de Emprego (SNE).

SESI e SENAI abrem seletivo no Maranhão

As vagas de emprego são em cinco cidades no estado do Maranhão. Inscrições encerram no dia 24 de novembro

“John Lenon” é suspeito de matar uma pessoa

A polícia cumpriu mandado de prisão em desfavor de Jholyenno Jhony Jansen Rodrigues, suspeito de homicídio no bairro Cidade Olímpica, em São Luís

Estupradores de filhas são presos

Polícia prende dois homens suspeitos de violentarem as próprias filhas. Os casos ocorriam na cidade de Axixá, interior do Maranhão

Homem é detido com espingarda calibre 12

As diligências visavam a apurar denúncias de que Emerson seria um comerciante de armas e estaria fornecendo, nos últimos dias, a membros das facções criminosas locais

5 pessoas são assassinadas em menos de 24h em São Luís

Cinco pessoas são mortas em menos de 24 horas na Grande Ilha de São Luís. Entre os crimes dois feminicídios foram registrados

Riachuelo recebe inscrições para vagas

As vagas são para graduados nos cursos de administração de empresas, economia, moda, comunicação, engenharia e áreas correlatas

Aluno é suspeito de planejar assalto à faculdade no Turu

Operação da Polícia prende quatro pessoas suspeitas de envolvimento no assalto em faculdade no Turu. Um dos detidos é aluno da instituição e teria passado informações ao grupo criminoso

Mulher é assassinada a facadas dentro de casa

Mulher é encontrada dentro de casa morta com várias facadas. O caso aconteceu no bairro Bom Jesus. O principal suspeito do crime seria o ex-companheiro da vítima

Tiros, duas mortes e quatro baleados

Em dois dias, duas mortes e quatro tentativas de homicídios foram registradas na cidade de Imperatriz. No último crime, o carro da vítima levou 20 tiros

Diretoria do Moto Club visita Pinheiro e Enzo Park

A pré-temporada do Papão inicia dia 1º de dezembro e vai até dia 17, quando os jogadores retornam para São Luís. A apresentação no Centro de Treinamento Pereira dos Santos será no dia 19

Tricolor maranhense é eliminado da Libertadores

A Bolívia Querida ficou a frente do placar até o fim da partida, quando sofreu o empate e depois a virada para o time paraguaio. O Vasco da Gama vai encarar o time que derrotou o Sampaio

Sampaio Corrêa estreia fora de casa contra o CSA

Com jogos às 23h, Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulga tabela da 1ª Fase da Copa do Nordeste 2018. Sampaio Corrêa estreia contra o CSA-AL, fora de casa

CIEE prevê 112 mil vagas de estágio até março

Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) prevê a oferta de 112.529 vagas de estágio em todo o Brasil, destinadas aos alunos de praticamente todos os tipos de curso dos ensinos médio, técnico e superior

Marinha abre 456 vagas de emprego em concurso

Marinha abre concurso com 456 vagas para oficiais. As oportunidades são destinadas a profissionais de nível superior e distribuídas entre os nove Distritos Navais do país

3 pessoas assassinadas em poucas horas

Três pessoas são mortas em menos de 24 horas na região metropolitana de São Luís. Os crimes aconteceram na Vila Cascavél, Vila Embratel e Coroadinho

VEJA MAIS