Brutalidade

Polícia prende mulher suspeita de jogar bebê no lixo

Ana Núbia foi identificada e presa após rápida investigação da Polícia Civil da cidade de Timon. Ela teria escondido o cadáver desde o último sábado (15)

Ana Núbia foi presa horas depois de ter jogado o corpo do bebê no lixo

Após rápidas investigações, a Polícia Civil de Timon prendeu uma mulher suspeita de ter jogado o corpo de um bebê em lixeiro. O cadáver foi encontrado ainda com placenta e cordão umbilical.

Ana Núbia Almeida da Silva foi identificada e presa após investigações. Ela foi capturada horas depois de ter deixado o cadáver dentro do ponto de recolhimento de lixo.

Segundo a polícia, o corpo da criança foi encontrado por um gari, que após sentir um forte odor, descobriu um cadáver de uma criança dentro de alguns sacos plásticos. A polícia foi acionada imediatamente e iniciou a apuração do fato.

A provável causa da morte teria sido causada por asfixia, o que se caracteriza como crime de infanticídio, além da ocultação do cadáver, isso por que laudos preliminares acreditam que o corpo da criança estaria escondido desde do último sábado (15), onde foi feito um procedimento de curetagem, em Ana Núbia.

As investigações apontaram que logo após procedimentos clínicos periciais realizados na suspeita, a criança teria nascido com vida. A mulher foi apresentada a Central de Flagrantes para os procedimentos legais, ficando presa até um parecer do Poder Judiciário.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS