Cidade Olimpíca

Suspeitos de assassinato são presos

Segundo delegado Gil Gonçalves, o assassinato foi causado devido à rivalidade entre membros de facções na região do bairro

Reprodução

Na manhã desta terça-feira (11), uma operação coordenada pela polícia civil sob o comando do delegado Gil Gonçalves do 18° DP no bairro Cidade Olímpica resultou na prisão de três pessoas suspeitas de matar Fábio Araújo Madeira e o seu irmão Ivan Rycson Cantanhede Silva.

Outras duas pessoas já estão sendo procuradas também por envolvimento no assassinato. O crime aconteceu em fevereiro desse ano no bairro da Cidade Olímpica. Os detidos foram identificados como Antônio Victor Sousa Campelo, de 20 anos, Leonardo Costa Filho, de 23 anos e Ronilson Lemos Silva, de 20 anos.

Segundo delegado Gil Gonçalves, o assassinato foi causado devido à rivalidade entre membros de facções na região do bairro.

Durante a operação, outro rapaz foi conduzido. Ele foi identificado como Thalisson Costa Freitas de 18 anos. Ele estava na mesma residência com Antônio Victor. Segundo o delegado, Thalisson é acusado por uma tentativa de homicídio em companhia de Antônio Victor na semana passada. Os três detidos foram encaminhados para a Delegacia da Cidade Olímpica (Decol), o 18º DP, onde os procedimentos de praxe foram tomados. Logo após, foram encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Por não haver um mandado de prisão, Thalisson foi ouvido e solto em seguida. Na manhã desta terça-feira (11), uma operação coordenada pela polícia civil sob o comando do delegado Gil Gonçalves do 18° DP no bairro Cidade Olímpica resultou na prisão de três pessoas suspeitas de matar Fábio Araújo Madeira e o seu irmão Ivan Rycson Cantanhede Silva. Outras duas pessoas já estão sendo procuradas também por envolvimento no assassinato. O crime aconteceu em fevereiro desse ano no bairro da Cidade Olímpica. Os detidos foram identificados como Antônio Victor Sousa Campelo, de 20 anos, Leonardo Costa Filho, de 23 anos e Ronilson Lemos Silva, de 20 anos.

Segundo delegado Gil Gonçalves, o assassinato foi causado devido à rivalidade entre membros de facções na região do bairro.

Durante a operação, outro rapaz foi conduzido. Ele foi identificado como Thalisson Costa Freitas de 18 anos. Ele estava na mesma residência com Antônio Victor. Segundo o delegado, Thalisson é acusado por uma tentativa de homicídio em companhia de Antônio Victor na semana passada. Os três detidos foram encaminhados para a Delegacia da Cidade Olímpica (Decol), o 18º DP, onde os procedimentos de praxe foram tomados. Logo após, foram encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Por não haver um mandado de prisão, Thalisson foi ouvido e solto em seguida.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS