Geral

Como acabar com piolhos e lêndeas

Embora o vinagre seja o mais conhecido, há outros remédios igualmente eficazes, e que não têm o inconveniente do odor forte

Reprodução

Os piolhos, sem dúvida, são um incômodo na cabeça de crianças e uma preocupação para as mães. É muito provável que seus filhos se contagiem com a pediculose (nome científico) quando vão à escola, a um clube ou uma praça. Por isso, nesse artigo, falaremos sobre alguns dos remédios caseiros que são mais eficazes para eliminar piolhos e lêndeas.

Confira.

Seja na farmácia, em perfumarias ou até mesmo no supermercado, é possível encontrar uma grande variedade de produtos preparados especialmente para acabar com lêndeas e piolhos. Porém, não podemos ter 100% de conhecimento a respeito dos ingredientes utilizados, nem na periculosidade dos mesmos para nossos filhos, principalmente quando ainda são muito pequenos. Além disso, muitos costumam ter atasques alérgicos ou erupções por causa do efeito desses produtos quando interagem com o couro cabeludo, ou com o organismo, e esses efeitos podem ser muito fortes para a derme. Outro detalhe é que às vezes esses produtos não são tão eficientes, assim, quando deixamos de aplicá-los os piolhos e lêndeas voltam a aparecer. Por isso é interessante, recorrer vez ou outra a remédios caseiros, aqueles mesmos que foram usados por nossos avós para matar esse parasita que não apenas se alimenta de sangue, como também causa coceira e muito incômodo.

Infusão de folhas de eucalipto: essa infusão pode ser comprada pronta em lojas de produtos naturais ou ainda, pode ser preparada em casa com um pouco de folhas da árvore, que aliás, possuem um aroma muito característico (usado geralmente para descongestionar as fossas nasais, por exemplo). Para preparar a infusão em casa coloque as folhas para ferver em duas xícaras de água, deixe repousar por alguns minutos até que a infusão fique morna. Quando a temperatura estiver ideal aplique na cabeça (é importante que o cabelo esteja limpo). Realize massagens circulares para que o líquido penetre bem nas raízes do cabelo, que é onde os piolhos costumam se alojar e onde colocam as lêndeas (seus ovos). É possível enxaguar para retirar a infusão, ou não. n Infusão de alecrim: essa pode ser uma opção muito eficaz para eliminar os piolhos. Para preparar a infusão, use o mesmo procedimento citado na de eucalipto, e aplique exatamente da mesma forma. n Essência de lavanda: aplique essa essência depois do banho, diretamente na cabeça, mas, faça isso sem que a cabeça esteja muito molhada. Para encontrar essa essência basta procurar em casas de produtos naturais. Para aplicá-la, bastam algumas gotas. Mas, cuidado, pois às vezes as essências são misturadas a outros produtos, e se esse for o caso, não servirão. A essência precisa ser pura, deve ser aplicada na raiz do cabelo e depois, é preciso massagear bem toda a cabeça. Não se esqueça de usar luvas para isso. n Vinagre de maçã: dizem que esse é o melhor tratamento para evitar que os piolhos migrem para o cabelo. Isso acontece porque seus componentes são agressivos para esses organismos, ou seja, servirão tanto para acabar com ele como para fazer com que mais piolhos não se alojem em sua cabeça. É mais eficaz para acabar com as lêndeas, pois as desprende do cabelo sem a necessidade que se use pente fino ou tire-as com as mãos. Ao sair do banho, aplique uma solução com 2/3 de uma xícara com água quente ou morna e uma de vinagre de maçã na cabeça. Também é possível usar um pouco da solução na cabeça com os cabelos secos (antes de ir para a escola, por exemplo). O único problema desse método é o cheiro do vinagre.

MOSTRAR MAIS